Categoria: Autoconhecimento

Vegetariana, Eu?

Hoje quem usará a tagautoconhecimento”  – que aqui no blog é usada pela minha amiga e colaboradora, Renate Dieztzold – sou eu!

Muitos vão se perguntar o porquê deste post, qual a necessidade e etc, mas como compartilho tantas coisas da minha vida com meus amigos, seguidores e leitores não somente por aqui mas em todas as minhas redes sociais, pensei porque não compartilhar algo que me fez refletir muito antes de mudar algo que no fundo eu já imaginava que um dia poderia acontecer.

Não é segredo pra NINGUÉM que minha alimentação não é lá aquelas coisas. Adoro comer besteiras, adoro a torta alemã da dona Hilda e principalmente: adoro uma comida embutida, tipo  salsicha, linguiça, peito de peru e por aí vai. Tô errada em gostar disso tudo? Aí é que está o X da questão: vai do ponto de vista de cada um pois há um fato surpreendente sobre a nossa saúde, que esquecemos de vez em quando. Todos nós temos o poder de escolher os alimentos que vamos colocar em nossos corpos. É um fato simples e poderoso, mas que precisamos relembrar antes de jogar algo para dentro, até porque – eu sei – que  a maioria dos produtos que vemos nas prateleiras do supermercado são carregados de ingredientes processados e eles INFELIZMENTE são viciantes e geralmente mascarados com uma série de publicidades criativas, mas enganosas.

Enfim, durante um tempo venho me questionando, me observando e tomei  uma decisão: tentarei, PORQUE NÃO?, evitar de comer carnes, leia-se: brancas e vermelhas.

Muitos devem saber que meu marido é vegetariano, na vdd ele está na transição para o veganismo, cortou todos os derivados de animais em sua alimentação. Ele me influenciou? Indiretamente sim, até porque convivemos diariamente eu vejo que não é um bicho de 7 cabeças evitar carnes. Foi um processo difícil pra ele? Foi, mas ele deu conta do recado e o faz isso até hoje, 4 anos desde que parou de ingerir carnes.

vegetariano-lillys-trends-post-1

Tomei esta decisão há alguns dias atrás, pegará muitos de surpresa, assim como meu marido. Aí vem a pergunta, porque? Compaixão aos animais? Sim.Influência do marido? Talvez. Imposição da sociedade? Jamais, até porque, eu acredito que o maior desafio em ser vegano ou vegetariano é lidar com o antagonismo e assédio recebido de grande parte do mundo. Tipo, os interrogatórios, os comentários sarcásticos, as humilhações, as “brincadeiras”, e assim por diante.

Não estou aqui compartilhando este post pra levantar a bandeira do vegetarianismo, dizer para vocês fazerem o mesmo que eu, longe disso. Meu marido por exemplo: NUNCA pediu que  eu mudasse minha alimentação, somente me dizia que eu precisava melhorá-la pois comia errado. E em casa eu quase não cozinhava mais carne, era muito difícil, aproveitava para comer quando ia em algum restaurante, o que nada me impede de continuar levando a MESMA vida, ou seja: continuarei indo na dona Hilda (não larguei o glúten), no sushi, no Rosa Mexicano, na pizzaria e etc! Mas tendo ele como exemplo e agora incentivador, acredito que será “fácil!”

Vejo que hoje as opções para quem escolheu esse estilo de vida o qual me permiti tentar ter, é muito melhor do que anos atrás no quesito opções. A busca pela alimentação saudável nunca esteve tão em alta como nos dias atuais, o que é ótimo, pois as opções vegetarianas e veganas aumentam cada dia mais, até parece tendência, kkkkkkkkkkkkkk!

Enfim, só escrevi pra vocês porque quis compartilhar mesmo, as amigas podem ficar despreocupadas que não ficarei conversando compulsivamente sobre este assunto, só sei que na vida tudo fica mais gostoso quando enfrentamos algumas adversidades e eu resolvi encarar esta, espero me sair bem, ainda estou no processo, pois confesso que o mais difícil mesmo será largar os frutos do mar!

Beijos
Anna

Deixe seu comentário

Comentários

  1. Darlene comentou: em

    Adorei Anna!! Bem simples… direta ao ponto.

    As pessoas precisam “acordar” pra ingestão de alguns alimentos viciantes e prejudiciais a saúde. Sou vegetariana há 24 anos, estou muiiito bem obrigada!! Beijo Darlene

    1. Anna Rutkoski respondeu Darlene: em

      É vdd sogritcha!! Eu estou acordando e estou me sentindo muito melhor!!!!!!!!!!!!!!