Categoria: Autoconhecimento

CORAGEM DE SER

Olá pessoal. Eu aqui de novo, como vocês tem passado? Alimentando as borboletas das suas vidas? =) Hoje trago um assunto importante e muito intenso: A CORAGEM DE SER. Para alguns viver é uma dança, é leve, é colorido, é espontaneidade. Para outros viver é denso, é programado, é preto e branco, é sistemático. E não, não vou dizer que um está certo ou outro errado. O que quero dizer que para qualquer uma dessas opções de Ser é preciso de CORAGEM. E sabem porquê?

coragem-renate-autoconhecimento-lillys-trends-capa

Viver é um ato de coragem diário, é escolher a cada minuto o caminho que queremos seguir. Que caminho vou pegar, que roupa colocar, que música escutar, que comida escolher, quais amigos vou ligar, que horas vou dormir…e os questionamentos não param nunca. E que nunca parem! A vida é energia, a vida é movimento, a vida são escolhas. E para escolher é preciso coragem. Coragem para assumir e arcar com as responsabilidades de suas escolhas. Ser responsável pelo seu “destino”, pela reação de suas ações. É tão fácil culpar os outros pela nossa falta de coragem, que voltamos ao mesmo ponto do post anterior: ficamos na zona de conforto. E para se ter coragem, para tomar sábias decisões é preciso ter autoconhecimento. Saber de si, saber para onde quer ir e como quer chegar. Vivemos em tempos onde sabemos muito dos outros, mas sabemos de nós mesmos? Sabemos a roupa da moda, mas que roupa melhor me veste? Sabemos que exercício faz bem, mas sabemos o que nos agrada? Sabemos que amar é imprescindível, mas amamos a nós mesmos? Sabemos tudo o que acontece ao nosso redor, mas não sabemos o que acontece dentro de nós. Ou se sabemos, ignoramos e culpamos os outros pela nossa falta de coragem para dar um passo a diante, para sermos nós com ousadia, para encarar o novo confiante e decidido.

Posso errar nas minhas escolhas? COM CERTEZA. Com os erros, crescemos e nos fortalecemos mais. Ao se ter coragem para assumir seus desejos provamos o sabor de viver em plenitude, aprendemos do que gostamos e como gostamos. O sabor de se viver o que nutri nossa essência, dá sentido à nossa existência. E não há nada que nos faca mais satisfeitos do que sermos nos mesmos. Ao enxergarmos nossa essência e vivermos de acordo com ela, aceitamos melhor as críticas, e crescemos com elas. Aceitamos melhor as divergências, e transpomos elas. Acreditamos que o melhor sempre está por vir, pois esse é o movimento da vida e por isso nos fortalece. E que naquele momento ao final do dia onde além de gratidão, expomos nossos desejos, que o maior deles seja: QUE EU TENHA SEMPRE CORAGEM!

Desejo um mundo de coragem diária para todos vocês, estrelas dessa constelação chamada VIDA! Beijos!

Deixe seu comentário